Apesar da ameaça feita pelo meu pai, de levar um tiro caso eu não parasse de ler o Novo Testamento, continuei lendo, pois agora sabia que o céu era real, e que existia um Jesus vivo e era para lá que eu iria. Eu tinha 11 anos de idade quando recebi aquele exemplar do Novo Testamento dos Gideões durante uma distribuição em minha escola. No final daquele ano, minha mãe saiu de casa, deixando para trás seus oito filhos. Logo meu pai envolveu-se com uma mulher que maltratou e humilhou muito a mim e aos meus irmãos. Até fome passamos por sermos privados de comer em nossa própria casa. Com 17 anos, não suportando mais aquela situação, resolvi dar fim à minha própria vida. Não conseguindo, retornei para casa, abri a gaveta do criado mudo e encontrei o Novo Testamento que havia guardado 6 anos atrás. Então, surpreendida pelos milagres de Jesus fiquei envolvida de tal forma, que eu lia onde estivesse. A convite de um primo, fui à Igreja Batista do Calvário em Governador Valadares, onde entreguei minha vida a Jesus. Mais tarde casei-me, tive filhos e netos, e hoje eu e minha família servimos ao Senhor.  Simone Lobo Lanes de Araújo (Governador Valadares, MG)

Compartilhe:

Comentários:

  1. Maravilha!! Sou testemunha ocular deste testemunho. Amo esta amiga linda que tem sido exemplo de fé e esperança. Um testemunho vivo do que Deus pode fazer na vida do homem através da leitura de sua Palavra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *